Conheça as principais doenças cardíacas e os seus fatores de risco

Por: Redação Doutíssima

As doenças cardíacas são a principal causa de morte no mundo, segundo levantamento divulgado pela Organização Mundial de Saúde em 2013. De acordo com o estudo, que tomou por base as causas de morte no ano de 2011, aproximadamente 17 milhões de pessoas morreram em razão de doenças cardiovasculares.

A doença cardíaca isquêmica, líder do ranking elaborado pelo órgão, foi a responsável por 7 milhões de mortes no período, o que representa 12,9% dos falecimentos de todo o mundo, por exemplo.

doenças-cardíacas
Saber como as doenças cardíacas afetam seu corpo é importante para manter a saúde. Foto: Shutterstock

Conheça abaixo as principais doenças cardíacas, descubra quais são os seus fatores de risco e, previna o seu aparecimento.

Quais são as principais doenças cardíacas?

Angina

A angina não chega a ser uma doença, mas sim um sintoma de algum problema no coração. É caracterizada por uma sensação de pressão que ocorre quando o coração não recebe sangue rico em oxigênio de forma suficiente. Essa sensação, que na verdade é uma dor, começa na região do tórax e se irradia ao pescoço e ao braço esquerdo.

Arritmias cardíacas

As arritmias cardíacas são alterações no ritmo normal dos batimentos do coração ou da frequência cardíaca. É uma alteração que afeta o sistema elétrico do coração e pode acontecer em qualquer parte do músculo cardíaco. E essa alteração faz com que os batimentos então sejam muito rápidos, muito lentos ou irregulares.

Quando se está diante de uma arritmia cardíaca, é possível que o coração não bombeie sangue suficiente para o cérebro, o que pode ocasionar dano ao próprio cérebro, ao coração e a outros órgãos.

Endocardite

A endocardite é uma inflamação do revestimento interior do coração, chamado endocárdio, e normalmente é causada por uma infecção bacteriana. Não se confunde com a inflamação do músculo cardíaco, chamada de miocardite, ou a inflamação da membrana que envolve o coração, denominada pericardite.

Dentre os fatores de risco particulares dessa condição, está que ela é três vezes mais comum nos homens do que nas mulheres. Dependendo do caso, pode afetar órgãos vitais e levar à morte.

Infarto

Dentre as doenças cardíacas, está é uma das mais temidas. O infarto do miocárdio é a morte de uma porção do músculo cardíaco, que ocorre quando há uma obstrução de uma artéria coronária, responsável por levar o sangue ao coração. Caso o músculo cardíaco fique sem oxigênio durante muito tempo, o tecido atingido morre e não mais se regenera. Pode levar à morte.

Insuficiência cardíaca

A insuficiência cardíaca é uma das doenças cardíacas que se desenvolve aos poucos e se consuma quando o coração não consegue mais bombear o sangue para os outros órgãos do corpo.

Essa insuficiência é compensada por outros mecanismos do corpo humano, mas eles são eficazes apenas por um determinado período de tempo – e por isso é importante buscar tratamento logo no aparecimento dos primeiros sintomas, do contrário poderá ser tarde demais.

Os fatores de risco das doenças cardíacas

As doenças cardíacas normalmente envolvem um grupo comum de fatores de risco. Dentre os principais, destacam-se:

– Hipertensão arterial

– Colesterol elevado

– Diabetes

Obesidade e sobrepeso

– Fumar

– Sedentarismo.

Portanto, se você se encaixa nesses grupos, combata esses fatores logo e evite assim o aparecimento de doenças no coração.

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!