Agachamento livre pode deixar o seu bumbum durinho. Veja como fazer!

Por: Redação Doutíssima

Se você quer ter um bumbum durinho e empinado não tem jeito, precisa colocar o agachamento livre no seu treino. Esse exercício traz ótimos resultados para a região do quadríceps, mas também pode ajudar a fortalecer a panturrilha, os glúteos, as pernas e a lombar. O equipamento utilizado no exercício é a barra de ferro, que intensifica a força feita.

agachamento-livre
Exercício é feito com pesos e deve-se cuidar para fazer o movimento correto. Foto: Shutterstock

Apesar de ser um ótimo movimento para fortalecer o corpo, este tipo de agachamento é visto como prejudicial às articulações. Isso porque muitas pessoas não conseguem executar o movimento corretamente, então, como qualquer outro exercício, pode ter o risco de alguma lesão.

Para se beneficiar com o agachamento livre e ficar longe de lesões nas articulações, veja mais sobre este exercício que pode te deixar com um bumbum invejável.

Benefícios do agachamento livre

Muitos educadores físicos indicam que o agachamento livre é um dos melhores exercícios, porque além de estimular a hipertrofia, pode ajudar no emagrecimento. Os exercícios com peso podem beneficiar o corpo pois estimulam a testosterona, que atua diretamente na construção dos músculos, e no hormônio do crescimento, que atua na mesma função.

No caso deste tipo de agachamento, por envolver mais grupos musculares, mais testosterona é produzida e enviada para o sangue, o que pode contribuir para ter um bumbum durinho mais rápido.

Fazendo agachamentos você consegue aumentar a flexibilidade das articulações. Os tornozelos, joelhos, quadris e a parte inferior das costas são utilizados no movimento, por isso, são altamente beneficiados. Porém, certifique-se de manter uma boa postura para evitar lesões. Se você sentir qualquer dor nessas áreas, pare de fazer o exercício.

Como fazer o agachamento livre corretamente

Se você nunca fez um agachamento livre, você deve começar fazendo apenas o movimento, sem o uso de pesos ou da barra de ferro. Mantenha os seus pés afastados na largura dos quadris e deixe os seus músculos abdominais contraídos.

Lentamente, dobre seus joelhos, jogando o seu quadril para baixo, como se estivesse sentando em uma cadeira. Pare quando suas pernas estão paralelas ao chão, e fique nesta posição por alguns segundos. Agora suba lentamente de volta para a posição inicial.

Você pode repetir o exercício de 2 a 3 séries de 8 a 12 repetições. Certifique-se de descansar por 60 a 90 segundos entre as séries.

Mas se você já sabe como fazer um agachamento simples e quer potencializar o seu resultado e fazer o agachamento livre, deve seguir estas instruções: primeiro, posicione a barra na posição correta, logo abaixo do pescoço e retire lentamente do hack. Mantenha os seus pés afastados, na altura dos ombros, cabeça erguida e as costas eretas.

Logo após, flexione os joelhos até 90°, mantendo as coxas paralelas ao chão. Cuidado para não ultrapassar este limite para não ter o risco de lesões. Depois é só voltar lentamente para a posição inicial, lembrando sempre que a cabeça deve sempre ficar erguida e as costas não devem se curvar. Ter estes cuidados é essencial para a boa realização do exercício.

 

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!