Você até pode não ter vivido a era da disco music, mas com certeza já viu a cena do filme Os embalos de sábado à noite, em que John Travolta, usando um terno branco, jogou o braço para o alto e executou alguns passos pré-coreografados, característica marcante do estilo.

Disco funk resgata o estilo dos anos 70

O filme foi um sucesso, os anos 70 e 80 passaram, mas se engana quem pensa que a disco acabou. O ritmo sofreu algumas adaptações e agora é moda nas academias. A disco funk, como é conhecida atualmente, mistura justamente os passinhos dessas duas décadas com movimentos do street dance e breakdance. Tudo isso para que os alunos queimem calorias se divertindo.

disco-doutissima-istock-getty-images
Disco funk mescla passos dos anos 70 e 80 com movimentos do street dance e breakdance. Foto: iStock, Getty Images

Mas todos esses estilos se comunicam desde a essência. O street dance surgiu por meio do funk, em 1967, nos Estados Unidos (EUA), lançado por James Brown. Já o breakdance, que é uma vertente do street dance, explodiu em 1981 e só então se espalhou pelo mundo.

Em uma hora de aula de disco funk é possível trabalhar membros superiores e inferiores, conseguindo queimar até 650 calorias ao som de Elvis Presley e Bee Gee. Com essa trilha sonora é praticamente impossível não soltar o quadril. 

Como surgiu a disco e seus benefícios

A disco é uma combinação de jazz acelerado e a batida do rock. O estilo surgiu a partir do twist, um ritmo popular dos anos 60. Além do filme estrelado por John Travolta, a disco ficou popularmente conhecida com o surgimento de grupo Jackson 5, que tinha como integrante Michael Jackson, mais tarde conhecido como o Rei do Pop.

O ritmo não era apenas mais uma dança que estava na moda, era um estilo de vida. A disco music estava presente na maneira de andar, falar e encarar o mundo. A pista de dança das discotecas era vista como um lugar onde as pessoas podiam se libertar.

A dança traz diversos benefícios para os seus praticantes. Entre eles, melhora a autoestima, reduz a ansiedade, estimula a concentração e equilíbrio emocional e desenvolve e aprimora a coordenação motora. 

Em 1976, o jornalista e produtor Nelson Motta criou a boate Frenetic Daancing Days. O lugar ajudou a disseminar o ritmo disco no Brasil e revelou As Frenéticas. Dois anos depois, a música Dancing Days, sucesso do grupo feminino, foi trilha sonora de uma novela que levava o nome do hit e era exibida em horário nobre na emissora Globo.

Agora que você sabe um pouco mais sobre a era disco, o que está esperando para se deixar levar pelo ritmo? As aulas de disco funk podem ser feitas por homens e mulheres e sempre orientada por um profissional capacitado.

 

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!