Férias, verão, festas. A época é propícia para levar uma vida meno regrada, em que alguns excessos alimentares normalmente são permitidos. Mas, quando você percebe, está com uns quilinhos e resolve que é hora de boca fechada e encarar uma dieta.

O problema é que, pelo menos para a maioria das pessoas, é difícil seguir à risca programas nutricionais mais restritivos. É nessa hora que você pode contar com um aliado: o suco verde. A bebida poderosa ajuda a diminuir a retenção de líquidos e, consequentemente, auxilia na perda de peso.

Prepare o seu suco verde

Não é só no emagrecimento que o suco verde pode ajudar você. A bebida também é muito eficaz na limpeza do organismo, na regulagem do intestino e até para a pele. Ficou com vontade de incluir o líquido na sua alimentação? Veja como preparar o seu com a receita que a nutricionista Larissa Paiva elaborou.

Suco verde para acelerar o metabolismo

Ingredientes

1 cabeça de aipo

1 colher de chá de gengibre

1 porção de salsa

1 copo de suco de limão

2 maçãs cortadas

2 xícaras de chá de espinafre

2 copos de pepinos cortados

Modo de preparo

Reúna todos os ingredientes, coloque tudo no liquidificador e bata. Pronto, ficou pronto. A dica é acrescentar mel para adoçar. A maneira que vai beber o suco é de sua escolha. Você pode coar ou consumir naturalmente, com os gomos, sementes e cascas.

boca fechada-doutissima-iStock getty images
O suco verde ajuda o organismo, mas sozinho não garante resultados. Foto: iStock, Getty Images

Boca fechada que nada, aposte na reeducação

O suco verde pode ser um grande parceiro na perde de peso, mas sozinho ele não alcançará os resultados. Quando o assunto é emagrecer, logo se pensa em manter a boca fechada e seguir uma dieta de restrição alimentar.

Mas não precisa ser assim. Uma alimentação balanceada traz saúde e qualidade de vida. De acordo com Flavia Morais, coordenadora de nutrição da rede Mundo Verde, para emagrecer de maneira saudável é preciso estar atento ao que se coloca no prato. Muitas pessoas baseiam sua dieta apenas na quantidade de calorias fornecidas pelos alimentos, um erro.

“Para tornar a alimentação saudável, é recomendado substituir os cereais refinados pelos cereais integrais, eles são fontes de fibras que promovem saciedade e reduzem o apetite, além de melhorarem o funcionamento intestinal”, aconselha a nutricionista.

Também é importante consumir frutas, verduras e legumes. Além de fibras, eles possuem antioxidantes, que atuam no combate aos radicais livres. Beber muita água e ficar atento ao preparo dos alimentos são outras dicas importantes.

Flavia também ressalta a importância de realizar diversas refeições durante o dia, ao invés de carregar o estômago com grandes porções, o que dificulta a digestão e deixa o organismo mais lento.

Para não sair do ritmo, o conselho é estabelecer horários regulares para se alimentar, respeitando o intervalo de até três horas entre uma e outra. Segundo a especialista, isso mantém o metabolismo ativo, aumenta o gasto de calorias e evita episódios de compulsão alimentar.

Gostou do artigo? Qual é a sua opinião sobre ele? Venha compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!