Existem dias em que se sentir sonolento é inevitável, mesmo depois de algumas xícaras de café. Mas para algumas pessoas, o excesso de sono pode se tornar um problema mais sério, que interfere no trabalho e nas atividades de lazer. Na maioria das vezes, o problema da sonolência diurna começa à noite.

Causas do excesso de sono durante o dia

Muitas pessoas que estão sempre cansadas e com sono costumam culpar a rotina intensa por seus sintomas. Porém, quando eles não somem depois de algumas boas noites de descanso, vale fiar em alerta. Segundo um estudo publicado na American Family Physician, estima-se que o problema afete 20% da população.

Grande parte das desordens caracterizam-se por interromper o repouso ou diminuir a qualidade dele, o que leva a pessoa a sentir cansaço extremo no dia seguinte. Há várias causas para a sonolência excessiva. Na maioria das vezes, um problema subjacente é o responsável.

A apneia obstrutiva do sono é uma razão bastante comum. Sofrem dela pessoas que lutam para respirar durante a noite e acordam cansadas. Causa frequente também é a insônia, caracterizada pela dificuldade em adormecer ou manter o sono pelo tempo suficiente que o organismo exige.

A narcolepsia é ainda uma explicação possível – embora menos comum. Nela a pessoa adormece durante o dia, mesmo no trabalho ou enquanto está dirigindo. Esse problema é causado pela disfunção de uma área do cérebro. Quando você sofre com algum desses problemas, deve buscar auxílio médico.

Há terapias comportamentais, psicológicas e medicamentosas para tratá-los. Além disso, é sempre válido investigar a existência de doenças subjacentes – segundo pesquisadores da Universidade de Tóquio, no Japão, há evidências de que a necessidade de cochilos diurnos possa ser um sintoma da diabetes tipo 2.

excesso de sono
Mudar seus hábitos pode ajudar a controlar o excesso de sono. Foto: iStock, Getty Images

O que fazer para diminuir o excesso de sono diurno?

Se você se sentir cansado e com sono frequentemente durante o dia, procure um médico para avaliar sua saúde. Porém, muitas vezes hábitos ruins de sono explicam a sonolência diurna. Veja algumas dicas capazes de ajudar a melhorar esse problema:

  • Sono noturno adequado

A maioria dos adultos precisa de sete a nove horas de repouso por noite, enquanto os adolescentes geralmente precisam de um total de nove horas. Vale deitar um pouco mais cedo.

  • Mantenha distrações fora da cama

Você não deve ler, assistir TV, jogar ou usar o computador na cama. Isso adia o momento de dormir e dificulta que o seu cérebro realmente desligue das atividades na hora de dormir.

  • Crie uma rotina

As pessoas que têm problema de sonolência são frequentemente aconselhadas a ir para a cama e levantar-se no mesmo horário todos os dias, inclusive em finais de semana.

  • Faça refeições leves à noite

Procure terminar de comer refeições de duas a três horas antes de deitar. Além disso, busque ingerir alimentos leves e livres de açúcar ou cafeína.

  • Pratique exercício

A atividade física regular oferece vários benefícios para o sono. Especialmente o exercício aeróbico, pois permite que seja mais fácil adormecer e dormir profundamente.

E você, o que faz para driblar o excesso de sono? Deixe um comentário! E não esqueça de compartilhar suas experiências e tirar suas dúvidas no Fórum de Discussão DoutíssimaClique aqui para se cadastrar!